Legaltech: três pessoas vestidas com roupas sociais olham para pranchetas e notebooks. Parecem estar avaliando algum dado

Legaltech: o que é e como auxilia o setor jurídico?

Você sabe o que é uma legaltech? Nos últimos anos, estamos acompanhando uma mudança interessante no mercado, impulsionada pela expansão do acesso a recursos tecnológicos e à informação, pelo desenvolvimento e aprimoramento constante da internet.

Muitos consideram que vivemos na chamada “Era Digital”, e isso tem contribuído para o surgimento de novos modelos de negócio, mais modernos e integrados aos conceitos de tecnologia e conforto dos usuários.

Neste post, falaremos melhor sobre as legaltechs, demonstrando como elas têm impactado o setor jurídico das empresas contemporâneas. Esse tipo de informação é relevante para gestores jurídicos e, portanto, é aconselhável que você faça essa leitura com muita atenção.

Podemos começar? Conheça, a seguir, o universo das legaltechs!

Novos modelos de negócios: como a tecnologia impacta o mercado?

Antes de falarmos sobre as legaltechs, é interessante observar o contexto em que elas surgiram. Conforme mencionamos, os últimos anos foram marcados por uma forte evolução tecnológica, o que acabou refletindo no mercado e na estruturação das empresas.

Ora, por que não utilizar esses avanços e montar uma empresa que atenda a uma demanda do consumidor? Esse foi o pensamento de empreendedores ousados e que deram origem a negócios inovadores, como as fintechs, edtechs e adtechs.

Perceba que o termo “tech” está presente já no nome desses negócios, dando a entender que a sua base é, de fato, a tecnologia. Afinal, os recursos tecnológicos podem (e devem) ser aproveitados para facilitar e transformar diversos aspectos de nossa vida.

É nesse contexto que ideias simples e inovadoras estão se expandindo no mercado e transformando o modo como o consumidor é abordado e fidelizado. Dentre elas, podemos citar: bancos virtuais, aplicativos educacionais e tecnologias para anúncios empresariais.

O que é uma legaltech?

Uma legaltech é uma empresa que tem um modelo de negócio diferenciado, pautado na tecnologia. O “legal” em seu nome sugere que seu foco está em questões legais, jurídicas.

Estamos falando de empreendimentos que desenvolvem produtos e serviços com uma base tecnológica robusta. O intuito é agilizar e proporcionar a automação de processos jurídicos das empresas e escritórios de advocacia.

Pode-se dizer que, estruturalmente, as legaltechs são startups. Isto é, elas surgiram para suprir alguma deficiência do mercado por meio de ideias e conceitos inovadores e tecnológicos.

Como as legaltechs podem contribuir com seu departamento jurídico?

Quem lida diariamente com atividades e processos jurídicos sabe que há muitos desafios e obstáculos a serem superados. A área é complexa e repleta de detalhes e exigências formais que não podem ser ignoradas.

Com isso, a primeira informação a ser enfatizada é que não existe um modelo único de legaltech. Ainda que o objetivo seja o de modernizar e simplificar o dia a dia do setor jurídico, elas podem ter focos e oferecer serviços diferentes.

Docket, por exemplo, se apresenta como uma solução para o problema de busca, gestão e análise de documentos cartorários e forenses. Assim, checar a matrícula de um imóvel, por exemplo, pode ser feito de forma mais rápida e eficiente por meio da plataforma.

Existe um ambiente virtual para que os responsáveis por homologar e formalizar documentação possam avaliar aspectos importantes para a transação, a validade das informações e todos os detalhes necessários ao trâmite.

Quais benefícios a legaltech pode proporcionar ao setor jurídico?

Para que não restem dúvidas sobre a importância dessas empresas para o departamento jurídico e escritórios de advocacia, selecionamos as principais vantagens de se contar com o apoio de uma legaltech. Acompanhe!

Maior agilidade

A partir do momento em que um departamento se une a uma legaltech, há um ganho expressivo de agilidade na resolução das demandas. Por não depender mais das planilhas de Excel e da troca excessiva de e-mails, as operações são mais rápidas e eficientes.

Observe que a possibilidade de resolver todas as etapas em um mesmo ambiente virtual torna as atividades mais ágeis. Todos os envolvidos podem ter acesso às informações e as atualizações de status são feitas automaticamente.

Maior produtividade

Um dos benefícios do uso de tecnologia aplicada é a maior produtividade que isso proporciona. Ao automatizar os processos, a equipe consegue realizar mais atividades, aumentando os resultados da empresa.

Redução de custos

Um dos objetivos comuns das empresas é a redução de custos. O apoio de uma legaltech favorece isso de maneira inteligente, já que é possível potencializar o departamento jurídico.

Com o uso de tecnologia, é possível eliminar inúmeros custos — como deslocamentos, taxas e contratação de pessoal — e aumentar o lucro final de cada contrato.

Maior lucratividade

O aumento nos lucros da empresa é apenas uma das vantagens. Afinal, quando o negócio consegue reduzir o tempo para fechar seus contratos, sua lucratividade é maior. Os ganhos de agilidade e produtividade refletem nas receitas. Esse tipo de tecnologia é, portanto, um grande aliado.

Quais as perspectivas para esse mercado no Brasil?

É importante mencionar que o mercado brasileiro está recebendo muito bem esse novo modelo de negócio. Afinal, a automação no jurídico é uma tendência mundial que deverá se consolidar ainda mais nos próximos anos no país.

Nosso mercado já se acostumou às fintechs — que se expandiram bastante nos últimos dois anos — e, em razão da grande demanda dos setores jurídicos por modernização de seus serviços e processos, a tendência é que surjam muitas legaltechs.

Agora que você conheceu melhor essas empresas e compreendeu como elas podem ser grandes aliadas do seu departamento jurídico, não perca mais tempo e modernize seu negócio!

Quer se manter informado sobre legaltech e outras novidades do universo jurídico e tecnológico? Assine agora mesmo a nossa newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *