Política de Cookies

Written by 16:29 Jurídico • 5 Comments

O que é Fluxo de registro e resgate de CPR?

O que é Fluxo de registro e resgate de CPR?

A CPR, sigla para Cédula de Produto Rural, é um título de crédito do Agronegócio que possibilita a comercialização de produtos com recebimento antecipado. Ela é lastreada em garantia real e pode ser representada por penhor rural ou mercantil.

Existem dois tipos de CPR: a Física e a Financeira. A diferença entre as duas é o pagamento da dívida. Enquanto na primeira, o próprio produto é entregue para quitar a dívida, na segunda o pagamento é definido com um valor de resgate.

Para que ela tenha validade, é necessário realizar o registro da CPR no Sistema da BM&FBOVESPA, a Bolsa de Valores. Com ele, é possível assegurar a existência e a veracidade das características dessa Cédula. As entidades que podem prestar este serviço precisam ser autorizadas pelo Banco Central do Brasil.

Entenda melhor os processos da CPR a partir do fluxo de registro e resgate

Fluxos de Registro e Resgate da CPR Física

Fluxo de Registro

Antes do registro acontecer, o emissor precisa confirmar a necessidade de financiamento para adquirir insumos para a produção agrícola. Ele, então, procura um fornecedor e faz um acordo: entregar parte da produção em troca dos insumos antecipados.

O favorecido concede os insumos ao produtor. E, depois disso, é necessário realizar o registro desta CPR. Ele deve ser feito na BM&FBOVESPA e, para isso, as duas partes devem procurar uma instituição para efetuar o registro do título.

Vale lembrar que esta instituição deve ser autorizada pelo Banco Central do Brasil. Após ser salvo no Sistema de Registro da BM&FBOVESPA, esta provê o serviço de registro do título.

Fluxo de Resgate

O resgate é mais simples. O emissor deve pagar os custos de todo o procedimento ao banco e, depois entrega o produto agrícola que foi inicialmente negociado. Ele deve cumprir o acordo, fornecendo na quantidade, qualidade, local e data combinados.

Quando o favorecido recebe o produto e a BM&FBOVESPA recebe os custos da operação, o registro da CPR – Cédula de Produto Rural é encerrado.

Fluxos de Registro e Resgate da CPR Financeira

Fluxo de Registro

O primeiro passo é o emissor precisar de um financiamento para adquirir insumos para a produção agrícola. Ele precisa procurar um fornecedor que aceite realizar a troca desses bens e receber o valor emprestado corrigido, segundo o acordo firmado.

O favorecido fornece os insumos ao produtor. Uma entidade autorizada pelo Banco Central do Brasil deve ser procurar para realizar o registro da CPR Financeira no Sistema de Registro da BM&FBOVESPA. Depois, a Bolsa de Valores realiza este serviço.

Fluxo de Resgate

O emissor deve, primeiramente, efetuar o pagamento no valor da CPR ao favorecido, assim como os custos do procedimento ao Banco. Depois, o Participante de Registro recebe os valores da tarifa da operação e solicita a baixa do título.

O favorecido recebe o valor que, inicialmente, foi combinado entre as partes. Em seguida, a BM&FBOVESPA recebe os custos dessa operação. Quando este ciclo se encerra, o registro desta CPR é finalizado.

Gostou do nosso artigo? Então acesse nosso blog e assine nossa newsletter!

Visited 87 times, 1 visit(s) today