Automação e Agilidade na Due Diligence

20/01/2020
Leitura em: 6 minutos
Categorias:
Automação e Agilidade na Due Diligence

Como criar automação e agilidade na Due Diligence? Due Diligence, também conhecida como Diligência Prévia ou Devida, consiste na análise e no levantamento de documentos, certidões e informações sobre pessoas, empresas e imóveis. Geralmente é executada antes do fechamento de um grande negócio, aquisições, fusões, participações e sociedades. 

A Due Diligence é um procedimento fundamental por possibilitar a avaliação de riscos e  possíveis impedimentos na realização de um negócio, ou, até mesmo, acelerar as tomadas de decisões e demais processos administrativos. 

Se a Due Diligence for sobre uma empresa, será necessária a obtenção de documentos de 3 áreas: financeira, legal e fiscal ou tributária. Se for sobre um imóvel, você precisará de licenças ambientais, por exemplo. 

Para não correr o risco de perder o tempo de certas negociações, a agilidade na busca, análise e gerenciamento dos documentos, é essencial. No Brasil, possuímos uma complexidade grande dos processos distribuídos em diversos órgãos públicos. Por isso, realizar as buscas de documentos em todo o país, pode demandar muito dinheiro e tempo. 

A tecnologia e a Due Diligence

Com a chegada da transformação digital, a automação permite que os métodos de trabalho sejam facilitados, sem a necessidade de ações repetitivas com maior padronização e eficiência. 

Assim, é possível encontrar softwares e plataformas que já executam serviços corporativos de automação de rotinas digitais, que, antigamente, eram morosas e manuais. Isso representa um trabalho duplamente automatizado e com o dobro de eficiência. 

Dessa forma, aderir à tecnologia é a ação mais eficiente para fazer mais com menos. Afinal, a automação oferece recursos que otimizam o processo. As pessoas podem ser direcionadas para trabalhos mais qualificados, enquanto a tecnologia realiza ações repetitivas e burocráticas, com um custo baixo.

Muitos profissionais estão indo atrás do auxílio da tecnologia. A automatização das tarefas de suporte dos serviços jurídicos tornou-se essencial. Ademais, essas pequenas atividades diárias levam tempo, mas acabam não contribuindo diretamente para a geração de resultados ao cliente.

Automação e agilidade na Due Diligence

Além da automação, outras ações podem tornar a Due Diligence mais ágil e assertiva. Para começar, é fundamental ter um bom planejamento, avaliando a natureza do negócio e listando as certidões e documentos necessários.

Depois disso, é preciso ter claro em mente os resultados que pretende alcançar, definindo onde quer chegar com a diligência. Muitas vezes é necessário criar uma equipe multidisciplinar com profissionais de diferentes áreas. 

Vale lembrar que é importante que os profissionais que atuarão na Due Diligence assinem um termo de confidencialidade com a sua empresa, uma vez que terão acesso a informações secretas. 

Possuir um checklist também é um importante ponto de partida, tanto para a verificação das informações, quanto para detectar dados cruciais que não foram fornecidos. Porém, é válido lembrar que o checklist é incapaz de substituir a experiência e o conhecimento dos profissionais envolvidos na interpretação dos documentos e informações fornecidas.

Por isso, devem ser averiguados itens sobre a organização, informações financeiras, impostos, ativos fixos, contratos e certidões, imóveis, entre outros. 

Se você está pensando em dar início a uma Due Diligence, não se esqueça do compliance. Ou seja, busque estar sempre em conformidade com normas das empresas e a legislação vigente, além de respeitar a confidencialidade das informações recebidas durante o processo. 

Também é válido ressaltar que é importante não abrir mão dos profissionais qualificados para conduzir o processo. Uma outra alternativa é contratar uma empresa especializada em auditorias.

Simplificando os fluxos operacionais

A Docket ajuda grandes empresas a escalarem seus negócios e reduzirem custos por meio de uma plataforma exclusiva. Com o uso de tecnologia e inteligência artificial, a Docket torna atividades complexas como a busca, pré-análise e gestão de documentos e certidões, em rotinas cada vez mais simples.

automação due diligence

Outro fator importante para as empresas durante a Due Diligence é a segurança das informações e a conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).  A Docket oferece segurança total no tratamento de dados, todos os documentos solicitados por meio da plataforma, ficam armazenados em um banco de dados único, em servidores Amazon AWS criptografados.

Se você quer entender melhor como funciona a solução da Docket, acesse o site.

Buscar

Sobre a Docket

Somos uma startup que realiza a busca, gestão e pré-análise de documentos e certidões. Com tecnologia avançada e inovadora, otimizamos os processos jurídicos de empresas de vários segmentos. Atuamos como facilitadores para nossos clientes, pois reduzimos o custo e o prazo com demandas de documentação de todo o Brasil.

Na mídia

Conheça a Docket a startup que está revolucionando o mundo jurídico

Confira o que os principais meios de comunicação do mundo têm falado sobre a nossa solução e como a tecnologia da Docket tem revolucionado o universo jurídico e as operações que envolvem documentos.

Deixe um comentário:

Startup acelerada por:

Google Developers Launchpad
Empresa participante do Scale Endeavor Up

4º Lugar no
LinkedIn Top Startups 2018

Top Startups Linkedin Brasil 2018

Selecionada para o Ranking

100 Startupst to watch 2019

Startup investida por:

Kazek
Canary
ONEVC
Valor Capital
Wayra
Neste site usamos cookies para sua melhor experiência. Para mais informações, leia nossa Política de Cookies.
Cadastrado com sucesso!