Como a tecnologia pode otimizar a gestão de riscos no setor bancário

20/01/2021
Leitura em: 7 minutos
Categorias:

As fraudes no setor bancário já acontecem há muitos anos. O advento da tecnologia trouxe o aumento de fraudes e estelionatos, aumentando também os desafios de compliance e gestão de riscos do setor.

Com a pandemia e o isolamento social, a aceleração da digitalização facilitou para que o número de golpes no sistema financeiro subisse cerca de 70%, de acordo com a Febraban (Federação Brasileira dos Bancos).

Entre o mais praticados estão:

  • Falsos motoboys que se aproveitam do isolamento e recolhem cartões de terceiros nos bancos; 
  • Boletos em compras online em sites falsos;
  • Roubos de dados;
  • Ligações e mensagens no Whatsapp se passando por conhecidos pedindo dinheiro;
  • Clonagem de cartão de débito ou crédito;
  • Transação financeira não autorizada.

Medidas de transparência e controle de riscos em busca de combater atividades fraudulentas são extremamente importantes.

Contextualizando…

Para contextualizar melhor este cenário, trazemos como exemplo o filme “Prenda-me se for capaz”. Baseado em fatos reais, o filme conta a história de Frank Abagnale Jr, um dos mais famosos impostores da história.

Com apenas 17 anos, Frank começou a aplicar golpes, passando cheques sem fundo de diferentes bancos até que estes parassem de emitir os talões, falsificando cheques, aplicando golpes milionários de falsidade ideológica, se passando por médico, piloto de avião, professor e, durante cinco anos, permaneceu repetindo suas táticas em diferentes artimanhas.

Ok. Naquela época ainda não havia tanta tecnologia para otimizar a gestão de riscos. Mas era apenas Frank chegar em um banco com um uniforme de piloto e uma falsa identidade, que já era o suficiente para abrir contas bancárias. Por isso ele se tornou um milionário e replicou o golpe tantas vezes em diferentes lugares.

Mas o objetivo desse post não é um spoiler, mas apresentar o exemplo das diferentes falcatruas utilizadas pelo adolescente e as falhas do setor bancária, pois, apesar da narrativa se passar na década de 60, há muito que pode ser aplicado nos dias atuais. 

Você consegue enxergar alguma falha similar na sua empresa?

Vamos analisar mais de perto as falhas cometidas pelos bancos nos filmes e adaptar para o que pode ser aplicado nos dias de hoje.

  • Pesquisa de certidões e documentos: no filme, é possível observar que, como mencionado antes, bastava o golpista apresentar um documento, que o banco já abria sua conta. Nem ao menos havia uma investigação pelos cartórios para verificar a informação. Atualmente, a busca de documentos em cartórios pode ser um processo demorado e custoso, já que não há um padrão específico de preços ou solicitações nos milhares de cartórios existentes pelo Brasil.
  • Análise de documentos: uma vez que o banco tenha os documentos necessários em mãos, é preciso analisar página por página para garantir que não haja nenhuma pendência ou gravame. O caso é que, muitas vezes, os documentos podem conter centenas de páginas. Além disso, o processo de analisar documentos em larga escala é suscetível a erros, além de ser um trabalho robótico e que tira a atenção sobre o core business do time de back office.
  • Pendências: é preciso uma boa gestão dos documentos para otimizar os processos, caso haja pendências ou vencimentos.
  • Recorrência: Suponha que um mesmo documento deva ser solicitado inúmeras vezes, o trabalho de realizar a solicitação, especialmente quando deve ser realizado pessoalmente, mais uma vez desvia o foco do time de back office, como também gera a imprevisibilidade orçamentária devido à falta de padronização nas solicitações.
  • Gestão de documentos e comunicação: Da mesma forma, a gestão manual prejudica a visibilidade de dados, assim como a descentralização das informações, que pode acarretar em duplicidade de trabalho, desperdício de tempo e recursos.

Podemos passar um bom tempo sinalizando falhas comuns na gestão de riscos e informações. Mas o que nos vale mais é focar na solução.

Como a tecnologia pode contribuir?

Com a tecnologia é possível centralizar os documentos, automatizar os processos, e obter muito mais agilidade nas operações da sua empresa.

Com o objetivo de trazer mais celeridade à esteira burocrática e mais segurança de dados para os principais setores da economia brasileira, a Docket investe constantemente em inovação capaz de solucionar os problemas inerentes aos processos documentais.

Com expertise no setor e a tecnologia do Shopping de Documentos, a Docket realiza a busca, obtenção e pré-análise de mais de 200 tipos de documentos em todo o Brasil. Todos os documentos permanecem armazenados na nuvem de forma centralizada em uma única plataforma, de fácil usabilidade e que permite a automatização dos processos.

Conheça as funcionalidades do Shopping de Documentos e descubra como auxiliar na gestão de riscos da sua empresa:

  • R.E.A. (Real Estate Analysis): software de Inteligência Artificial desenvolvido pelo laboratório da Docket, realiza a pré-análise dos documentos em menos de um minuto com quase 100% de acurácia. Depois, o time jurídico ainda realiza uma segunda análise para garantir o resultado.
  • Alerta de pendências: o sistema emite um alerta, caso haja alguma informação incorreta ou faltante ao processar um pedido.As correções necessárias podem ser realizadas direto na plataforma.
  • Recorrência: programe documentos recorrentes de maneira automática de acordo com a sua necessidade.
  • Status do documento: a plataforma avisa se o resultado da análise de um documento for positivo ou negativo
  • Grupos: centralize a comunicação sobre os documentos na plataforma através da criação de grupos com critérios de privacidade e permissionamento, otimizando a segurança e a visibilidade da informação. Os grupos podem ser discriminados por departamentos, terceiros e o que for necessário para a empresa.

Além de colaborar com a gestão de riscos, a Docket também é capaz de contribuir com diferentes operações do sistema financeiro, como baixa de hipoteca, CGI, crédito, financiamento, leasing, entre outras.

Experimente os benefícios que a tecnologia da Docket pode aportar para sua empresa!

Buscar

Sobre a Docket

Somos uma startup que realiza a busca, gestão e pré-análise de documentos e certidões. Com tecnologia avançada e inovadora, otimizamos os processos jurídicos de empresas de vários segmentos. Atuamos como facilitadores para nossos clientes, pois reduzimos o custo e o prazo com demandas de documentação de todo o Brasil.

Na mídia

Conheça a Docket a startup que está revolucionando o mundo jurídico

Confira o que os principais meios de comunicação do mundo têm falado sobre a nossa solução e como a tecnologia da Docket tem revolucionado o universo jurídico e as operações que envolvem documentos.

Deixe um comentário:

Você também pode gostar

3 passos para a abertura de filial na junta comercial


Abrir uma filial na junta comercial tem algumas diferenças, caso o estado da matriz não seja o mesmo da filial. Veja o passo a passo completo.

Guia completo: Certidão de Cadeia Sucessória


A Certidão de Cadeia Sucessória traz o levantamento junto ao Cartório de Registro de Imóveis das informações sobre transmissões de propriedade, em um período determinado.

Tudo sobre a Certidão de Penhor do Livro 03


Com este artigo você vai aprender os conceitos de certidão de penhor, matrícula de imóveis e tudo sobre o Livro 03 de Registros Auxiliares.

Startup acelerada por:

Google Developers Launchpad
Empresa participante do Scale Endeavor Up

4º Lugar no
LinkedIn Top Startups 2018

Top Startups Linkedin Brasil 2018

Selecionada para o Ranking

100 Startupst to watch 2019

Startup investida por:

Kazek
Canary
ONEVC
Valor Capital
Wayra
Neste site usamos cookies para sua melhor experiência. Para mais informações, leia nossa Política de Cookies.
Cadastrado com sucesso!